Enviar a matéria pelo WhatsApp

Vale a pena trocar os produtos derivados de leite por Lac Free?

Atualizado: Abr 9


O produto só será ‘zero lactose’ se o leite e soro de leite empregados tiverem sido tratados com a enzima lactase até a quebra de pelo menos 99,5% da lactose. A lactase é responsável por digerir o leite no organismo, transformando a lactose em dois açúcares – glicose e galactose. A pessoa que tem intolerância à lactose não produz essa enzima em quantidade suficiente no corpo. Por isso, precisa de uma ajudinha extra, com a retirada da lactose pelo tratamento dado ao leite.

Já a pessoa que tem alergia à proteína do leite, é bem diferente. Quem é alérgico não pode entrar em contato com a proteína do leite. ''Então, não existe alergia a lactose''. Os sintomas podem ser bastante semelhantes como vômito, diarreia e mal estar. Somente os intolerantes à lactose podem apresentar dor na barriga.

Na minha opinião, se você não é intolerante e nem alérgico, não vale a pena trocar o seu queijo normal (ou outros derivados do leite), pelo lac free. Algumas pessoas confundem o excesso de peso, e colocam a culpa em alguns alimentos específicos e excluem da dieta habitual.

Se o seu objetivo é emagrecer, perder gordura corporal, esse modismo de tudo “lac free” não faz sentido nenhum! Não é vantagem comprar essa versão do produto.


20 visualizações

A vida nos enche de motivos para Celebrar. É só prestar atenção aos detalhes para ver que, ao nosso redor, existem inúmeras razões para festejar, comemorar, reunir e partilhar.

© 2016 Revista Celebrar - Todos os Direitos Reservados - Este Site Foi Orgulhosamente desenvolvido por: Agência Integre

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube