Enviar a matéria pelo WhatsApp

Turismo no Leste-Europeu


O leste-europeu está começando a entrar no circuito dos viajantes não europeus agora e as pessoas estão impressionadas com a história, comida, atrações e cultura de cidades como Praga, e Budapeste.

As áreas mais turísticas de Praga são compactas e próximas umas das outras, então normalmente não é preciso ficar mais do que 3 dias inteiros para conhecer o básico.

Mas a cidade garante uma bela recompensa a quem fica mais tempo e pode caminhar com calma, descobrir ruas escondidas, visitar bairros diferentes e entrar em atrações que (ainda) não são consideradas obrigatórias. Mais dias por lá também permitem alguns bate-voltas para cidades tchecas que merecem estar no roteiro de qualquer turista.

Comece indo direto ao que interessa: a Praça da Cidade Velha onde estão algumas das atrações mais disputadas de Praga.

A sensação de estar na praça principal da cidade é de ter entrado em um conto de fadas ou ter voltado no tempo.

Faça um passeio pela praça, se estiver próximo de alguma hora cheia, corra para a frente do Relógio Astronômico para ver o ritual que atrai tantos turistas. Se não for hora cheia, tente entrar na Igreja Nossa Senhora Diante de Týn, a maior e mais linda da área. Depois suba a Torre do Relógio para ver a cidade de cima pela primeira vez. Aproveite que o prédio é o mesmo e faça uma visita às salas históricas da Prefeitura da Cidade Velha e à capela, onde você pode ver os bonecos dos apóstolos que aparecem no relógio.

Antes de ir em direção à Ponte Carlos, visite a linda Igreja de São Nicolau. Ela pertence à Igreja Hussita Tchecoslovaca, uma dissidência da Igreja Católica, seguidora de Jan Hus, o homem no monumento no meio da praça.

Atravesse a ponte, mas não saia dela sem passar a mão na parte dourada da escultura embaixo da estátua de São João Nepomuceno (a oitava à direita) para fazer um pedido e garantir que um dia você vai voltar a Praga.

Tire pelo menos uma manhã ou tarde inteira para visitar o castelo de Praga, o castelo pode ser dividido em duas partes: a área aberta (por onde você pode passear gratuitamente) e as salas históricas, os museus, as igrejas, as torres e a Rua Dourada (que são atrações pagas).

Se for ficar mais de dois dias vale a visita ao Bairro Judeu (Josefov) Tudo depende do seu interesse pela história, pela religião e também por arquitetura, já que a área tem alguns dos prédios mais lindos da cidade (e olha que Praga é praticamente feita de prédios lindos).

Não fique menos que duas noites , nessa cidade encantadora.

#matériascapa #capa

0 visualização

A vida nos enche de motivos para Celebrar. É só prestar atenção aos detalhes para ver que, ao nosso redor, existem inúmeras razões para festejar, comemorar, reunir e partilhar.

© 2016 Revista Celebrar - Todos os Direitos Reservados - Este Site Foi Orgulhosamente desenvolvido por: Agência Integre

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube