Enviar a matéria pelo WhatsApp

VOCÊ É LÍDER OU CHEFE?


Não é fácil reconhecer seus pontos cegos como gestor, muito menos observá-los minuciosamente, mas as consequências desses pontos cegos são claros, e têm efeito de longo alcance em uma organização. Infelizmente essas desvantagens não serão expostas por uma simples razão: O medo inevitável de expor o lado negativo do chefe.

Não há muitas pessoas ousadas o suficiente para alertar os seus gestores sobre as imperfeições profissionais. Ao invés disso, elas tentam trabalhar em torno das fraquezas dos gerentes.

Daniel Goleman dizia o seguinte, "Sempre que alguém consistentemente lida mal com uma determinada situação, é um claro sinal de um ponto cego. Nas camadas mais baixas da organização, tais problemas podem ser mais mais facilmente descartados como peculiaridades." Mas em níveis superiores, esses problemas são ampliados em consequências e visibilidade e os efeitos importam não só para a pessoa que os têm, mas também para o grupo como um todo.

Os pontos cegos mais comuns são:

- Vaidade: Muitos executivos têm sua vaidade exacerbada, são incapazes de reconhecer seus pontos de melhoria e se sustentam por capacidade técnica ou liderança;

- Orgulho: Executivos orgulhosos são comuns, reconhecem sua necessidade de melhoria ou mudança em certos aspectos, mas não conseguem mudar, pois acham que chegaram no ponto em que "Sabem tudo."

- Arrogância: Arrogância é um dos pontos cegos mais comuns entre os executivos. No geral, quanto mais alta a posição hierárquica, maior o grau de arrogância e incapacidade de ouvir os outros.

É aí que entra trabalhos como o Executive Coaching, promovendo o autoconhecimento e apoiando esse líder em seu processo de mudança traçando um plano de ação para isso.

Todos somos capazes de mudar, desde que seja essa nossa vontade. Traçando planos rápidos e determinando novas ações, o chefe é facilmente transformado em um líder agregador que caminha junto a sua equipe ao invés de empurrá-la.

Você está disposto a se enxergar como líder e começar a mudança que sabe que precisa?

#matérias #capa

0 visualização

A vida nos enche de motivos para Celebrar. É só prestar atenção aos detalhes para ver que, ao nosso redor, existem inúmeras razões para festejar, comemorar, reunir e partilhar.

© 2016 Revista Celebrar - Todos os Direitos Reservados - Este Site Foi Orgulhosamente desenvolvido por: Agência Integre

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube