Enviar a matéria pelo WhatsApp

Saiba quais são as raças de cães mais escolhidas no Brasil e dicas de como escolher o seu


A gente aqui da Celebrar é doido por um cachorro e vocês? A vida com eles é muito mais alegre e cheia de carinho. Se você ainda não tem um veja na matéria passo a passo de como escolher o cãozinho ideal para sua casa e ainda saiba quais são as raças mais escolhidas no Brasil. #CelebrarComCachorros

Veja fotos das 7 raças mais escolhidas no Brasil

Poodle

Pinscher

Labrador

Maltez

Yorkshire

Pug

Shih Tzu

Como escolher?

Passo 1 Comece colocando o bichinho no chão, em um lugar desconhecido. Afaste-se um pouco, agache e chame o pequeno com palmas, falando em um tom de voz suave a alegre. Observe então como o filhotinho vem até você. – Se ele vier prontamente, com o rabo levantado, pular e até tentar morder nossa mão, temos um cachorro bastante dominante. – Se ele vier com o rabo levantado e apenas subir no colo, é um cachorro menos dominante. – Se vier com o rabo baixo, é mais submisso. – Se não vier, provavelmente será um cão medroso ou com pouco interesse nos seres humanos. Passo 2 Levante-se e comece a andar. – O filhotinho dominante irá nos seguir prontamente, com o rabo levantado e mordendo nosso calcanhar. – Se não for tão dominante, só irá seguir-nos com o rabinho levantado. – Se for mais submisso ficará com o rabinho baixo. – Se o cachorro não seguir, será um cachorro mais independente. Passo 3 Em seguida, pegue o filhotinho com todo cuidado do mundo (lembre-se ele é só um bebê e a última coisa que queremos é que ele fique assustado), coloque-o deitado no chão de barriga para cima e ponha então sua mão aberta sobre o peito dele. Observe sua reação. – Filhotes mais dominantes vão espernear mais, alguns vão até rosnar e tentar morder sua mão. – Os muito tímidos vão ficar imóveis, com o rabinho entre as pernas e até fazer esforços para olhar nos seus olhos. – Um filhotinho intermediário vai espernear e até ganir um pouco, parar, espernear mais um pouco, e assim até se acalmar. Não se esqueça, é muito importante fazer isso com o máximo de gentileza possível. Passo 4 Pegue o filhotinho com as duas mãos, coloque-o bem próximo do seu rosto, encare-o e observe sua atitude. – Filhotes extremamente dominantes vão rosnar e até tentar morder nosso rosto. – Filhotes independentes, vão tentar ir embora. – Filhotes muito submissos e tímidos, vão evitar contato com os olhos. – Filhotes que tentarem lamber nosso nariz, são menos dominantes e que não ficam sentidos com tanta facilidade. Passo 5 Por último, deixe cair um molho de chaves no meio da ninhada. – O dominante vai imediatamente ver o que é. – O intermediário vai hesitar, depois vai ver o que é. – O medroso vai fugir.

Fonte: Tudo sobre cachorro

#capa #Matérias

39 visualizações

A vida nos enche de motivos para Celebrar. É só prestar atenção aos detalhes para ver que, ao nosso redor, existem inúmeras razões para festejar, comemorar, reunir e partilhar.

© 2016 Revista Celebrar - Todos os Direitos Reservados - Este Site Foi Orgulhosamente desenvolvido por: Agência Integre

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube